Home / Notícia / Atividades marcam encerramento do Mês de Prevenção ao Suicídio nas Bibliotecas SESI em MS

Atividades marcam encerramento do Mês de Prevenção ao Suicídio nas Bibliotecas SESI em MS

4 de Outubro, 2021 | Acontece nas Casas | Geral | FIEMS | SESI | Dicom

  • copsis

A Biblioteca SESI Indústria do Conhecimento promoveu diversas atividades de conscientização durante o Setembro Amarelo, mês de prevenção ao suicídio, em suas unidades espalhadas por Mato Grosso do Sul. A última semana de setembro marcou o encerramento da campanha, com ações desenvolvidas em Caracol, Inocência, Sonora e Três Lagoas.

Confira um resumo das atividades:

Caracol – O projeto elaborado pela Biblioteca SESI foi desenvolvido na Escola Estadual Dr. Rubens de Castro Pinto e contou com parceria do Centro de Referência em Assistência Social (CREAS) do município. Sob orientação de uma psicóloga, os alunos abriram uma roda de conversa para falar abertamente sobre o tema de forma segura, sem julgamentos de valores e emoções. O trabalho foi aplicado a 156 alunos do Ensino Médio e 31 alunos do 9.º Ano do Ensino Fundamental. 

A estudante Luana Alvares, de 17 anos, aprovou a iniciativa. “Um projeto que marcou história, foram duas semanas refletindo e conhecendo nossos próprios sentimentos, pudemos sentir e nos colocar no lugar do outro, certamente vamos seguir com outro olhar daqui para a frente”.

Inocência – As monitoras da biblioteca organizaram um dia de leitura sobre o tema e exibiram um vídeo educativo, gravado pela psicóloga Eliane Rodrigues da Silva Pirani. A profissional elogiou a iniciativa. “É muito gratificante poder levar disseminar informação, ainda mais sobre um tema tão importante, que faz com que as pessoas sejam acolhidas e falem de sua dor”. 

Sonora – Em parceria com a prefeitura municipal, a Biblioteca SESI levou a psicóloga Franciele Regina Galdino Siviero à Escola Estadual Comandante Mauricio Coutinho Dutra para dar palestra aos alunos do Ensino Médio sobre a valorização da vida. A monitora Zenilda Ferreira de Quadros destaca a importância dessa ação presencial na escola. “Embora nos dias atuais vemos muitas postagens sobre o tema Setembro Amarelo nas redes sociais, é preciso uma fala mais próxima com o público alvo, visando a conscientização e motivando-os a falar sobre os seus medos e dores. Por ser um assunto muito delicado, nada melhor que um profissional da área para abordar esse tema”.

Três Lagoas – Em parceria com as professoras Hildete, Thébis e Leidi Patrícia, a Biblioteca SESI levou conscientização sobre o Setembro Amarelo a alunos do 7.º ao 9.º Ano do Ensino Fundamental da Escola Municipal Parque São Carlos e da Escola Estadual João Magiano Pinto. O tema foi abordado sob a orientação da psicóloga Maria Cristina Costa, que também gravou um vídeo com conteúdo para ser trabalhado em sala de aula. A professora Leide Patrícia valorizou a iniciativa. “Foi muito bom porque fizemos roda de conversa, onde os alunos se sentiram à vontade para expressar suas dúvidas e opiniões, desenvolvendo as atividades planejadas”.