Home / Notícia / Diretora de SST do Sesi apresenta Centro de Inovação em entrevista à Rádio CBN

Diretora de SST do Sesi apresenta Centro de Inovação em entrevista à Rádio CBN

16 de Maio, 2018 | Acontece nas Casas | Economia e Trabalho | Unicom

  • fotoz4
  • fotoz3
  • fotoz2

Em entrevista à Rádio CBN Campo Grande, nesta terça-feira (15/05), a diretora de Saúde e Segurança do Trabalho do Sesi de Mato Grosso do Sul, Adriana Sato, falou sobre o trabalho que o Centro de Inovação – Sistemas de Gestão em SST desenvolverá para aumentar a segurança no ambiente de trabalho e melhorar a saúde do trabalhador da indústria. O espaço será inaugurado no dia 25 de maio, durante evento que integra a programação de “Maio – Mês da Indústria”.
 
“O Centro já está operando, mas a partir do dia 25 estará de casa nova e vai ampliar o acesso de empresas e trabalhadores de todo o país a tecnologias e tendências mais avançadas em SST e prevenção”, explicou Adriana Sato ao jornalista Otávio Neto. “Já temos projetos pilotos desenvolvidos pelo Centro de Inovação do Estado, que poderão ser replicados em escala nacional nas indústrias interessadas em aumentar a segurança do ambiente de trabalho e assegurar a competitividade”, acrescentou.
 
O Centro de Inovação
 
As pesquisas do Centro de Inovação são realizadas em Campo Grande para atender a indústria nacional desde 2016 e, agora, ganha um ambiente propício para disponibiliza-las à indústria de todo o País. O espaço, localizado na Avenida Afonso, entre as ruas 13 de Junho e 25 de Dezembro, conta com um projeto arquitetônico arrojado, que faz jus ao propósito inovador do centro.
 
Com 1,2 mil m² de área construída, e estrutura é distribuída em três pavimentos, e conta com dois consultórios, dois auditórios, duas salas de treinamento, uma sala de operação com 22 postos de trabalho, uma sala de inovação com 13 postos de trabalho, uma sala de gerência, uma sala de coordenador, uma sala com seis postos de trabalho e estacionamento para 18 vagas, duas para deficientes e duas para idosos. O espaço recebeu investimentos de R$ 7 milhões, entre edificação do espaço e aquisição de mobiliário.
 
O Centro faz parte de um projeto nacional do Sesi para aumentar a segurança no ambiente de trabalho e melhorar a saúde do trabalhador da indústria por meio de soluções inovadoras. Ao todo, foram criados oitos centros de inovação, todos voltados a desenvolver pesquisa aplicada e soluções em SST para que sejam replicadas por toda a indústria brasileira, tratando de temas estratégicos - Prevenção da Incapacidade (Bahia), Economia para a Saúde e Segurança (Ceará), Ergonomia (Minas Gerais), Longevidade e Produtividade (Paraná), Higiene Ocupacional (Rio de Janeiro), Fatores Psicossociais (Rio Grande do Sul) e Tecnologias para Saúde (Santa Catarina).