Home / Notícia / Em dinâmica no laboratório de robótica, alunos da Escola do Sesi de Naviraí reforçam o inglês

Em dinâmica no laboratório de robótica, alunos da Escola do Sesi de Naviraí reforçam o inglês

15 de Maio, 2019 | Acontece nas Casas | Educação e Formação Profissional | SESI | Dicom

  • p_20190502_172725
  • p_20190502_171644
  • p_20190502_171631
  • p_20190502_171627
  • p_20190508_200749

O professor de Língua Inglesa da Escola do Sesi de Naviraí inovou na metodologia das aulas do Ensino Médio e realizou com os alunos oficinas de aprendizagem interativa, na qual os alunos são sujeitos do seu próprio conhecimento e o trabalho em equipe é primordial para aprendizagem. Os resultados foram aulas dinâmicas e com muita interação dos educandos.

A turma do 1º ano foi levada ao laboratório de Robótica, formou equipes e, antes de iniciar as atividades diferenciadas, fez uma revisão sobre o tempo verbal Simple Past. Depois, relembrou as classes gramaticais como: substantivo, adjetivo, verbos e pronomes. Após as explicações, cada grupo recebeu envelopes com cards separados por temas: nomes, ações, lugares, animais, comidas e outros. O desafio era montar a maior quantidade de frases coesas utilizando os cards e a estrutura gramatical adequada.

“A aula virou uma competição saudável e prazerosa, na qual a aprendizagem fluiu e os alunos se divertiram e realizaram fixação de conteúdo, além de desenvolver as habilidades de trabalhar em grupo”, declarou o professor.

Para os alunos, a aula foi divertida e produtiva. “Aprendemos a formar frases utilizando os pronomes, verbos, advérbios, adjetivos, lugares e nomes comuns. Também conseguimos trabalhar em grupo e formar frases divertidas, o que acabou nos ajudando a conhecer palavras novas e pronunciá-las corretamente junto com o professor”, considerou Beatriz Yuki Okabayashi sobre a atividade diferente.

“Gostei muito da oficina porque consegui melhorar um pouco mais meu conhecimento do Inglês, e também ao trabalhar em grupo para conseguir formar o máximo de frases”, continuou Gabriely Manente Gomes.

“Foi a melhor aula de Inglês para mim, porque eu não desenvolvia dessa maneira na minha antiga escola, agora cada vez mais meu conhecimento está sendo aprimorado”, comemorou Thaiene Toral. “Eu gostei muito dessa atividade, particularmente ajudou muito na minha pronúncia”, finalizou Isabella Silva.